Como transformar um cômodo da sua casa em um estúdio de dança

  • 0
  • 20 outubro, 2015

Praticar exercícios físicos com frequência ajuda a manter o corpo em forma e a saúde em dia. Para quem ainda não tem este hábito, vale lembrar que existem muitas opções de atividades, além da academia, que podem ser praticadas durante a semana. Caminhadas, para quem prefere uma modalidade ao ar livre, futebol, para quem gosta de esportes em grupo, e dança, para quem procura uma atividade vibrante.

A dança é uma atividade que ajuda a elevar a endorfina, manter o bem estar e aumentar a disposição física. O melhor é que você nem precisa sair de casa para praticá-la: que tal transformar aquela sala ou quarto pouco usado no seu próprio estúdio? Veja, neste post, 5 dicas simples para fazer isso!

1. Escolha o local ideal

Em primeiro lugar, é preciso decidir qual cômodo será transformado em estúdio. É importante que o local escolhido seja amplo, para que você possa se movimentar com liberdade. Além disso, é bacana optar por um espaço com janelas que ajudem a manter o ambiente bem ventilado e iluminado: duas características essenciais no estúdio de dança. Depois de escolhido o local, vale a pena investir em um jogo de luzes potente e em um ar condicionado para aumentar o seu conforto durante a atividade.

2. Pense no melhor tipo de piso

O piso é um ponto muito importante no estúdio de dança: ele não deve ser escorregadio, mas deve facilitar os movimentos. Para quem pretende praticar ballet, o piso de madeira é uma ótima ideia. Neste tipo de material, os pés deslizam com maior facilidade, o que simplifica a execução de alguns movimentos. Mas é preciso estar atento para algumas medidas de segurança, como não encerar o piso, para evitar escorregões.

Outra opção interessante para o seu estúdio é o linóleo. Este é um revestimento emborrachado e menos deslizante e, por isso, é mais indicado para danças modernas, como a dança de salão. Além disso, o linóleo é super prático: pode ser colocado sobre o piso da sala e retirado sempre que necessário.

3. Coloque espelhos

Independente do tipo de dança que você pretenda praticar, existe um artigo indispensável para o seu estúdio: o espelho. Este item é importantíssimo para que você possa ver como estão os seus movimentos durante a prática. Escolha uma parede para revestir inteiramente com espelhos, assim, você pode se movimentar com liberdade pela sala e observar o seu desempenho durante todo o tempo.

4. Não esqueça da barra de ballet

A barra de ballet é indispensável caso você vá praticar esta modalidade de dança. Mesmo se não for este o caso, é interessante incluir o item no seu estúdio, porque este é um acessório muito útil para fazer os alongamentos antes de começar as sessões de dança. O ideal é que a barra seja instalada na frente da parede em que está o espelho, tanto podendo ser fixada na parede quanto no chão.

5. Decore o seu estúdio

Aproveite que este é o seu espaço pessoal para decorá-lo de acordo com o seu gosto e personalidade. Pendurar quadros com frases motivadoras e fotos de locais incríveis nas paredes, por exemplo, é uma ótima pedida. Plantas e flores são ideais para colorir o ambiente, e uma televisão com aparelho DVD é interessante para que você assista vídeos de aulas de dança. Use a criatividade e deixe o ambiente ainda mais agradável!

                                       Espelhos são artigos indispensáveis para qualquer estúdio de dança! Entre em contato com a PS do vidro e solicite um orçamento sob medida para a sua parede!




Deixe seu comentário abaixo

Envie uma resposta