Como decorar a sala com uma cristaleira de vidro?

  • 0
  • 21 julho, 2017

Você sabia que a cristaleira de vidro surgiu em meados do século XVII? O móvel foi encomendado pela Rainha Maria II, da Inglaterra, para artesãos locais para que ela pudesse exibir sua famosa coleção de porcelanas azuis e brancas, e não demorou muito para ele se popularizar por toda a Europa e se tornar um símbolo de sofisticação.

cristaleira de vidro

Saiba mais sobre a cristaleira de vidro e veja como ela pode deixar a sua sala mais bonita.

Como escolher uma cristaleira de vidro para a sala

Pense no seu estilo de vida

Por muito tempo, a cristaleira foi considerada um móvel de luxo por guardar as peças mais finas e delicadas do enxoval de casamento. Ainda que essa continue sendo a sua principal função, é inegável que ela passou por várias transformações ao longo das últimas décadas para se adaptar às necessidades dos lares contemporâneos.

Mas para que não ocupe espaço desnecessariamente, é preciso que o morador reflita com sinceridade sobre seu estilo de vida antes de partir para a compra. Quem não costuma receber muitas visitas em casa ou não vê sentindo em recepções elegantes não precisa ter louças finas e, por consequência, talvez devesse substituir a cristaleira por outro móvel.

Analise o cômodo

Como os imóveis estão cada vez menores, é fundamental saber todas as medidas da sala onde a cristaleira de vidro será acomodada para não escolher uma peça que seja grande demais e possa prejudicar a harmonia do cômodo. Se você não encontrar um móvel perfeito para o espaço disponível, apele para os planejados.

A decoração da sala também precisa ser avaliada no momento da escolha de uma cristaleira. Por ser versátil, o vidro se adapta muito bem a diversos estilos, do rústico ao moderno. No entanto, é preciso levar em consideração os materiais na fabricação da peça para determinar se ela se encaixa na proposta do seu cômodo.

Modelos que você precisa conhecer

Antiga

É aquela cristaleira que nos transporta imediatamente para a sala de jantar da casa das nossas avós! Normalmente, é fabricada em madeiras nobres e tem acabamentos bem detalhados, o que a torna a estrela principal do cômodo em que estiver. Inspira um uso mais tradicional, mas nada impede que você ouse um pouco na hora de escolher o que guardar em seu interior.

Combina com estilos decorativos que buscam inspiração no passado ou na simplicidade para proporcionar um clima aconchegante: clássico, rústico, provençal e shabby chic. Uma peça antiga pintada em um tom vibrante – como vermelho, amarelo ou azul turquesa – ganha novos ares e pode ser uma boa pedida para uma decoração retrô.

Moderna

É o modelo que você encontra na maioria dos projetos de arquitetos e designers de interiores nos dias de hoje. Pode ser fabricada em diferentes tipos de materiais e se caracteriza pelas linhas retas, que fazem com que se integre a qualquer ambiente com facilidade. Inspira usos inusitados, especialmente se não estiver na sala de jantar.

Pode ser uma alternativa para cômodos que seguem estilos decorativos com uma pegada minimalista, como moderno, industrial e escandinavo. Uma cristaleira de vidro e metal em tons escuros pode ser uma boa aquisição para quem deseja ter uma peça capaz de reunir contemporaneidade, simplicidade e sofisticação!

cristaleira de vidro

O que guardar?

Utensílios finos

As portas transparentes da cristaleira de vidro inspiram a exibição dos objetos guardados em seu interior. Por muito tempo, os itens que ocupavam essas prateleiras precisavam ter relação direta com a disposição de uma mesa de café ou jantar para convidados: pratos, xícaras, copos, taças e bandejas eram os principais.

Com o passar do tempo, essas peças – que geralmente eram fabricadas em materiais como porcelana, cristal e prata – passaram a dividir espaço com bibelôs que ajudavam a potencializar a beleza e o requinte do móvel, como vasos, esculturas e porta-retratos. Atualmente, a criatividade é o limite para quem deseja ter uma cristaleira de vidro em casa!

Objetos criativos

Quem tem uma quantidade pequena de louças finas para expor em sua cristaleira de vidro pode dividir o espaço entre elas com objetos decorativos que remetam a memórias afetivas. Além de vasos, esculturas e porta-retratos, vale enfeitar as prateleiras com lembranças de viagens, brinquedos antigos e aquela relíquia que veio diretamente da casa da sua avó.

Também é possível usar o espaço para acomodar seus livros mais bonitos, a coleção de vinis que fez companhia em todas as suas mudanças ou aquele conjunto de velas aromáticas que você simplesmente não tem coragem de usar. Para valorizar ainda mais a presença desses objetos, procure posicioná-los na altura de seus olhos.

cristaleira de vidro

Como organizar?

Forme grupos

Definir alguns critérios para a organização da sua cristaleira de vidro é fundamental para garantir um visual bonito para o móvel. Portanto, nada de distribuir as peças aleatoriamente pelas prateleiras! Uma forma simples de conseguir um bom resultado é dispor os objetos em grupos que carreguem alguma semelhança.

Por exemplo, se apenas algumas das prateleiras contarem com espelhos na parte de trás, você pode reservar esse espaço para acomodar objetos confeccionados em cristal. Já os copinhos de shot que você coleciona das suas viagens podem ser reunidos sobre aquela bandeja de prata maravilhosa que costuma ser pouco usada.

Busque equilíbrio

Outra dica que pode ajudar na organização da cristaleira de vidro da sua sala é buscar manter certo equilíbrio para não correr o risco de deixar o visual do móvel muito carregado. Nas prateleiras de baixo, acomode peças mais pesadas ou que você não faça tanta questão de exibir. Esse é o espaço perfeito para aquela jarra de cristal incrível que só é usada em ocasiões formais.

Por sua vez, as prateleiras de cima devem ser preenchidas com peças mais delicadas ou aquelas que você gosta muito. Caso a cristaleira tenha profundidade suficiente para formar mais de uma fila de objetos, coloque os maiores e mais altos para trás. É o caso das taças grandes, como as de champanhe, martini e algumas de vinho.

Agora que você já sabe como usar uma cristaleira de vidro na decoração da sala, veja algumas dicas para contratar a melhor vidraçaria para o seu projeto!

Deixe seu comentário abaixo

Envie uma resposta