6 dicas para encantar os clientes com projetos de decoração

  • 0
  • 27 abril, 2017

Criar projetos de decoração não é uma atividade simples. É preciso ter conhecimento sobre elementos que combinam entre si, estar por dentro das novidades e tendências do setor e adequar tudo isso ao gosto pessoal do morador, afinal, para encantar os clientes, é preciso planejar tudo de acordo com as suas preferências.

Não existe uma fórmula de sucesso para garantir um ambiente perfeito. Mesmo porque, clientes diferentes têm necessidades e gostos distintos, certo? Mas existem alguns segredos que contribuem para o sucesso do trabalho desempenhado nos projetos de decoração assinados pelos arquitetos ou designers de interiores. Quer saber quais são eles? Acompanhe a leitura!

6 ações para encantar os clientes com projetos de interiores

1. Dedique tempo para conhecer o seu cliente

Existe uma informação que deve guiar todos os projetos de decoração: o gosto do cliente que contratou o seu serviço. Mesmo que o amarelo, por exemplo, seja uma tendência em alta, o seu uso no ambiente terá um resultado desastroso caso o cliente não goste desta cor.

Para encantar os clientes, é essencial que o profissional capte a essência do que eles querem ver no projeto. Quais são as suas prioridades? Que referências pessoais eles têm? As suas cores favoritas? Que estilo de decoração combina mais com o seu perfil? Se o projeto é uma reforma, que elementos eles gostariam de manter?

Todos estes são exemplos de perguntas que contribuem para que o designer ou arquiteto já inicie o projeto na direção certa. Muita conversa durante a fase de planejamento ajuda a garantir que o profissional, de fato, entenda o seu cliente.

2. Se mantenha atualizado

Junto a isso, é extremamente válido que o profissional mantenha os seus conhecimentos atualizados. Assim, estará preparado para oferecer opções diferenciadas nos seus projetos. Hoje em dia, existem muitas soluções sustentáveis, por exemplo, que fazem com que a casa fique mais econômica e ecologicamente correta.

Novos estilos de decoração e lançamentos de materiais também são boas influências para que o profissional mantenha o seu trabalho atualizado e possa encantar os clientes. Revistas da área, eventos (como a Casa Cor), blogs especializados e redes sociais (como o Pinterest e o Instagram) são boas fontes de informações.

Também é válido ampliar a sua rede de fornecedores para garantir que os seus ambientes serão decorados com as melhores peças do mercado. Vale, inclusive, visitar antiquários e lojas de móveis antigos – se a proposta estiver de acordo com o perfil do seu cliente.

3. Fuja do óbvio

Se a ideia é encantar os clientes e se destacar no mercado, é fundamental usar muita criatividade nos projetos, certo? Fuja das escolhas óbvias e surpreenda quem contrata os seus serviços! Uma forma de fazer isso é inovando na escolha dos materiais. Para tanto, também é válido fazer uma boa pesquisa para conhecer as diferentes opções de itens que podem ser utilizados na decoração.

A Expo Revestir, por exemplo, é uma feira conhecida como a fashion week da arquitetura e construção. Uma visita ao evento pode renovar as ideias do profissional em relação a pisos e revestimentos.

Luminárias com design diferenciado, carrinhos que podem ser utilizados como bar móvel e paredes removíveis são mais algumas ideias que podem ser incluídas nos projetos de decoração e agregar valor aos ambientes. Separe as inspirações que mais têm a ver com o cliente e teste para descobrir se elas funcionam com as outras ideias do seu projeto.

Também é interessante apresentar propostas de uso criativo para materiais essenciais – como o vidro, que agrega luminosidade ao espaço e também pode ser utilizado de maneiras não convencionais. Já pensou em criar um painel de espelhos recortados e com acabamento filetado? Esta é só uma das ideias que podem fazer com que o seu projeto tenha um apelo mais criativo.

4. Conte com a opinião do cliente durante o processo de criação

Deixe que o cliente participe do processo de criação dos projetos de decoração. Assim, você pode sentir o que funciona melhor para atender as suas expectativas e necessidades.

Mostre as suas ideias e deixe que ele escolha entre diferentes opções de cores de um mesmo item, por exemplo. Faça um registro das preferências e use estas informações para criar um ambiente perfeito.

Uma boa ideia é oferecer mostras de materiais que podem ser utilizados no projeto. Afinal, uma coisa é ver uma foto de um ladrilho hidráulico com estampa de mosaico, por exemplo, outra é ver o material de perto, sentir a sua textura e ter a noção das suas cores reais.

5. Permita que o cliente visualize os projetos de decoração

Além de falar sobre os elementos que você pensa em incluir na decoração, também é importante mostrá-los visualmente para o cliente. Muitos pontos podem ser compreendidos de uma melhor forma quando vistos em uma imagem.

Vale dizer que, quanto melhor eles conseguirem visualizar as suas ideias, maiores serão as chances de você encantar os clientes com o resultado final. Por isso, indicamos, além do uso de croquis, a adoção de maquetes ou modelos que permitam uma demonstração visual em 3D.

Estas são ferramentas que facilitam a apresentação do conceito que você pensou para o ambiente e que ajudam a garantir que o cliente conseguirá ver todos os aspectos do seu projeto, dando feedbacks que contribuem para que a decoração fique dentro das suas expectativas.

6. Saiba ouvir críticas

É importante que o profissional esteja aberto a críticas que podem vir no decorrer do trabalho. Algumas vezes, estas são opiniões que têm como base o gosto pessoal do cliente, que, nunca é demais dizer, deve ser respeitado no projeto.

Use as críticas para melhorar o conceito do seu projeto, moldá-lo de acordo com o perfil de quem contratou o seu serviço e até para ampliar os seus conhecimentos na área. Quando o profissional faz isso, ele tem muito mais chances de acertar na decoração do ambiente e encantar os clientes.

Quais outras dicas você daria para profissionais que trabalham com decoração de interiores? Conte nos comentários e até a próxima.




Deixe seu comentário abaixo

Envie uma resposta